segunda-feira, 17 de setembro de 2018

Creme de Abóbora com Leite em Pó


Já falei aqui que a minha sogra é uma cozinheira de mão cheia. Vivemos dividindo receitas, e esse creme é adaptado de uma delas. Um dia minha sogra fez um purê de abóboras que ficou maravilhoso e ultra cremoso. Perguntei o que ela havia colocado, e ela me disse que foi leite Ninho e manteiga, e só. Fiquei maravilhada com aquilo e decidi preparar uma sopa creme de abóbora com os ingredientes. Adicionei caldo de legumes para saborizar e pronto: faço logo uma panela cheia e vou tomando no jantar durante a semana. Fica cremosa e maravilhosa, e o leite ainda dá um gostinho meio adocicado à preparação! 

Creme de Abóbora com Leite em Pó

Ingredientes:

1/2 abóbora japonesa, lavada, cortada em cubos (com a casca)
2 litros de caldo de legumes
4 colheres (sopa) de leite em pó
2 colheres (sopa) de manteiga
Sal e pimenta do reino a gosto

Modo de Preparo:

Cozinhe a abóbora no caldo de legumes, temperando com sal e pimenta. Assim que a abóbora estiver cozida, retire do fogo e bata no liquidificador, acrescentando o caldo aos poucos para que não fique muito líquida. Continue batendo e adicione o leite em pó e a manteiga. Tempere novamente e sirva.

domingo, 16 de setembro de 2018

Pêssegos Grelhados com Mel


Por aqui já está começando a época dos pêssegos: já aparecem nos mercados e feiras, lindos e cheirosos, prontos para qualquer coisa deliciosa, ou mesmo serem devorados puros, como é o caso da minha casa, já que as crianças caíram de amores pela fruta. Escondido deles, peguei 1 pêssego e preparei grelhado, para ver como ficaria. E fiquei impressionada: a textura fica quase como a do pêssego em calda, porém mantendo o sabor delicioso dele fresco! Servi com um fio de mel e iogurte natural! Perfeito para o lanche da tarde!

Pêssegos Grelhados com Mel

Ingredientes:

1 pêssego maduro
2 colheres (sopa) de açúcar mascavo
1 colher (sopa) de mel para servir
1/4 xíc. (chá) de iogurte natural, para servir

Modo de Preparo:

Corte o pêssego ao meio, retirando o caroço. Espalhe o açúcar em um prato e passe a parte da polpa do pêssego sobre ele, pressionando para grudar o açúcar na fruta. Aqueça uma grelha em fogo baixo. Coloque os pêssegos, com a parte da polpa virada para baixo, e tampe. Deixe grelhar em fogo baixo por cerca de 5 minutos, ou até que o pêssego esteja dourado. Retire com cuidado e sirva em temperatura ambiente com o fio de mel e o iogurte.

segunda-feira, 10 de setembro de 2018

Torradinhas com Pasta de Avocado Temperada


Como abacates desde que me entendo por gente. Lá na chácara do meu pai tem inúmeros pés da fruta, e sempre que era época,  minha casa ficava cheinha de abacates. Só que não comíamos o abacate em pratos salgados, como comemos hoje. Tomávamos litros de abacate batido com leite e açúcar, as abacatadas do meu pai, ou comíamos as frutas com limão espremido e açúcar, quando estavam bem maduras. Saí da casa dos meus pais e nunca mais comi, até o dia que encontrei lindos avocados. Aquela texturinha amanteigada, o saborzinho menos intenso do que o abacate da chácara e as receitas da internet transformaram meu café da manhã de abacatada em lindas torradinhas e guacamoles. Essa receita não chega a ser uma receita: peguei algumas fatias de pão de fermentação natural e aqueci na torradeira. Enquanto isso, amassei meio avocado e misturei 1/4 colher (chá) de cebola e alho em pó, sumo de meio limão, sal e pimenta do reino moída. Passei pelas torradinhas e coloquei lindos e azedinhos tomatinhos tipo cereja por cima, e uma pitada de pimenta calabresa. Um fio generoso de azeite e pronto. Café da manhã prontinho para servir, junto com esse suquinho maravilhoso de laranja com cenoura e gengibre! Delicinha!

segunda-feira, 3 de setembro de 2018

Sangria Portuguesa


Uma receita simples para uma bebida incrível! Eu não era muito de beber, até passar algumas semanas em Portugal no último mês. Conheci lá os melhores vinhos e bebidas que já tinha tomado, e fiquei viciada nas sangrias, disponíveis em quase todas as esquinas de Lisboa. Voltei pra casa com sede para testar uma receita, o que foi bem fácil, já que a maioria lá tem sempre esses mesmos ingredientes. O resultado? Uma jarra dessa belezinha para o almoço de domingo! Sangria para português nenhum botar defeito!

Sangria Portuguesa

Ingredientes:

750ml de vinho branco seco
750ml de refrigerante de limão
2 laranjas tipo Bahia, cortadas em meia-lua
200g de morangos, sem folhas, cortados em rodelas
Cubos de gelo para servir

Modo de Preparo:

Misture todos os ingredientes e leve à geladeira por pelo menos 1 hora antes de servir.

sexta-feira, 31 de agosto de 2018

Ovos Turcos com Iogurte


Que eu amo ovos vocês já estão carecas de saber. É um ingrediente que sempre aparece aqui no blog: cozido, assado, frito, omelete, enfim, eu gosto dele de todos os possíveis jeitos. E essa receita combina muitas coisas que eu adoro para um café da manhã reforçado: ovos, manteiga, iogurte e um pãozinho de fermentação natural. A gema molinha do ovo com o iogurte temperadinho fazem um combo perfeito para passar na torradinha! Ingredientes simples e um resultado digno de restaurante!

Ovos Turcos com Iogurte

Ingredientes:

1 dente de alho amassado
300g de iogurte grego sem açúcar
50ml de azeite
50g de manteiga sem sal
1 colher (chá) de pimenta calabresa
2 talos de cebolinha picados
Sal e pimenta do reino a gosto
Fatias de pão torradas, para servir

Modo de Preparo:

Em uma tigela, misture o alho com o iogurte grego e a metade do azeite. Reserve. Em uma panela, aqueça a manteiga, deixando que ela fique dourada, até o ponto noisette, quando ela fica escura e com aroma de castanhas. Junte a pimenta calabresa, o restante do azeite e reserve. Divida o iogurte grego em 4 tigelas coloque dois ovos por cima de cada uma. Por último acrescente a manteiga noisette e tempere com sal e pimenta. Decore com a cebolinha e sirva com fatias de pão torradas.

terça-feira, 28 de agosto de 2018

Abobrinha em Conserva


Uma conserva divina e ótima para quando você não tem quase nenhum ingrediente em casa! Comemos no almoço, como acompanhamento para o frango grelhado, e no jantar, por cima de uma torradinha. Perfeita e super rápida de fazer, ótima como aperitivo para as festas em casa!

Abobrinha em Conserva
daqui

Ingredientes:

1kg de abobrinhas, cortada em fatias finas
4 dentes de alho, fatiados
1 xíc. (chá) de vinagre
Sal e pimenta calabresa a gosto
Orégano a gosto
1 xíc. (chá) de azeite

Modo de Preparo:

Em uma panela, junte as abobrinhas, o alho e o vinagre. Cozinhe até que as abobrinhas fiquem macias. Escorra o vinagre e transfira para um pote grande. Cubra com azeite (coloque mais, se necessário) tempere com sal, pimenta e orégano. Misture bem e deixe na geladeira tampado até que fique completamente gelado. 

segunda-feira, 9 de julho de 2018

Waffles de Queijo com Batata


Se tem uma coisa que eu amo comer é batata. Pode ser assada, frita, purê, gnocchi, amassada, refogada, enfim, sem sombra de dúvidas é uma das minhas comidas preferidas na vida. Tinha visto no Pinterest alguns anos atrás uma receita de hash browns - aquelas batatas fritas que os americanos comem no café da manhã - feitas na máquina de waffle, sem fritar. Acordei com vontade de comer e fui pesquisar uma receita. Achei essa e amei! Com certeza comeria todos os dias! Acompanhei com pedacinhos de bacon frito, folhas de manjericão e creme azedo! Maravilhoso!

Waffles de Queijo com Batata

Ingredientes:

600g de batata, ralada no ralo grosso
3 ovos, levemente batidos
1/4 xíc. (chá) de leite
1 xíc. (chá) de queijo cheddar ralado - usei muçarela
1/4 xíc. (chá) de cebolinha picada
Sal e pimenta a gosto
Creme azedo (sour cream) para servir
Óleo, para untar a máquina de waffle

Modo de Preparo:

Aqueça e unte com óleo sua máquina de waffles. Em uma tigela, misture a batata, os ovos, o leite, o queijo e a cebolinha. Tempere com sal e pimenta a gosto. Coloque cerca de 1/2 xíc. (chá) da mistura na sua máquina, deixando cozinhar até que fique bem dourado. Repita o processo com o restante da receita. Sirva com o creme azedo e cubos de bacon.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...